Campina Grande - PB


foto: Demetrius

 

O projeto filosófico é da lavra do Irmão Ailton Elisiário de Sousa
e o projeto arquitetônico dos Irmãos Francisco Assis de Almeida e Geraldino Pereira Duda.

Na confluência das Ruas Vidal de Negreiros e João da Mata, bem próximo à Loja, está o Monumento Maçônico, edificado quando da celebração dos 75 anos de fundação da Loja "Regeneração Campinense", na gestão do Venerável Mestre Francisco de Assis Cosme. O monumento, situado numa área triangular, é composto de dois blocos monolíticos de granito, um preto e outro branco, assentados sobre três degraus, encimado pelo Volume da Lei Sagrada sobre o qual repousam o Esquadro e o Compasso. Simbolicamente, o monumento traduz a mensagem maçônica de que a Pedra Bruta (representada pelo bloco preto) se transforma na Pedra Polida (representada pelo bloco branco), mediante os estudos e trabalhos dos Graus Simbólicos (representados pelos três degraus) e sob a inspiração das Luzes da Maçonaria (representadas pelo Volume da Lei Sagrada, o Esquadro e o Compasso). Em linguagem profana, o Homem Imperfeito transforma-se no Homem Perfeito à luz da Doutrina Maçônica. O Homem Velho ressurge num Homem Novo pelos ensinamentos da Maçonaria.

Fonte: http://planeta.terra.com.br/servicos/regecamp/PagMonumento.htm

 

Voltar ao início

Abel Tolentino
Loja Maçônica Luz no Horizonte 2038
Goiânia - GO - Brasil